25 de setembro de 2021

5 vantagens de comprar apartamento na planta

comprar apartamento na planta

Está pensando em comprar um apartamento na planta? Conheça os benefícios desse tipo de negócio e aprenda a escolher a melhor opção!

Os imóveis na planta são aqueles adquiridos por meio de construtoras e incorporadoras. Comprar um apartamento na planta significa investir em um empreendimento que ainda está em fase de construção ou ainda nem começou a ser construído. Embora muita gente fique na dúvida sobre esse tipo de negócio, ele traz uma série de vantagens.

Para este post, o Blog da Arbo separou os cinco principais aspectos positivos de comprar um apartamento nessas circunstâncias. Além disso, ainda separamos algumas dicas para quem está pensando em fazer um investimento desses. Confira!

Quais são os benefícios de comprar imóveis na planta?

comprar-apartamento-na-planta

Colocar dinheiro em uma obra que ainda nem saiu do papel pode parecer um tanto estranho para muitas pessoas. Porém, comprar apartamento na planta envolve certas características que se encaixam perfeitamente às necessidades de certos perfis de compradores. 

1. Os valores são mais acessíveis

Na maioria dos casos, a compra de um imóvel na planta se mostra muito mais barata do que a compra de um imóvel pronto. Isso porque, como a propriedade ainda será entregue, você tem autonomia para negociar diretamente com a construtora ou com a imobiliária.

A boa notícia sobre a compra de um imóvel na planta é que as construtoras estão sempre em busca de clientes e, por isso, se mostram bastante abertas às propostas de negociação de valores e condições de pagamento.

Essa vantagem faz com que os preços dos apartamentos sejam mais acessíveis e, assim, pessoas que moram sozinhas, por exemplo, têm a oportunidade de realizar o sonho do imóvel próprio com mais facilidade.

2. O potencial de valorização é maior

O potencial de valorização do imóvel após a conclusão de sua obra é mais uma das vantagens de investir em um apartamento na planta. Como o preço pago pelo imóvel na negociação inicial é menor, você tem a oportunidade de rentabilizá-lo por muito mais no futuro.

Isso porque, após a entrega do apartamento pronto, este retoma seu valor de mercado. Em muitos casos, os compradores conseguem lucrar até 50% a mais com a venda do imóvel – se comparado ao valor que foi pago inicialmente.

Se você deseja obter um bom retorno com a venda ou com a locação do imóvel, é importante ficar atento à escolha do apartamento. Para que ele tenha um bom potencial de valorização, deve estar situado em uma boa localização e possuir uma infraestrutura completa. 

Não se esqueça de que todos esses detalhes contribuem para o preço final do imóvel, o que irá determinar sua porcentagem de lucro com a negociação.

3. A infraestrutura é diferenciada

Um imóvel na planta apresenta, na maioria dos casos, uma infraestrutura moderna e completa. Dessa forma, você pode ter a certeza de que irá morar em um apartamento novo, confortável e totalmente cômodo.

Nesse sentido, você deve considerar não somente a infraestrutura interna do imóvel, mas também de todo o condomínio. Como a propriedade é nova, todas as instalações elétricas e hidráulicas também são. Isso traz mais segurança e economia aos moradores – que precisam arcar com a taxa condominial todos os meses.

Outro ponto relevante sobre a boa infraestrutura de um imóvel na planta está relacionado a problemas que podem ocorrer. Como as instalações são recentes e modernas, os condôminos não precisam se preocupar com possíveis erros nos elevadores, nos portões, entre outros.

Além disso, é necessário considerar que condomínios com imóveis na planta oferecem, em grande parte dos casos, uma infraestrutura completa quando o assunto é lazer. Dessa forma, você não precisa se deslocar para se divertir com os amigos e/ou com a família.

4. Você pode personalizar o imóvel

Você pode não saber, mas é possível personalizar o acabamento de um imóvel na planta de acordo com seus gostos e com suas necessidades. Esse fator contribui com o potencial de valorização do imóvel, além de ser capaz de trazer mais qualidade de vida para os moradores.

Se você deseja um apartamento mais luxuoso, pode investir em acabamentos mais finos e elegantes. Entretanto, se prefere algo mais simples, pode optar por materiais mais comuns.

Mesmo que as possibilidades sejam diversas, é importante que você se atente ao estilo e à proposta do condomínio. Uma boa dica é não fugir dos detalhes do empreendimento e, para isso, você deve se basear no estilo para fazer as escolhas referentes ao acabamento.

Suponha que você vai comprar um imóvel pronto e não gostou de sua estrutura por completo. Nesse caso, vai precisar realizar uma boa reforma, o que pode te trazer muitos custos e transtornos. Dessa forma, optar pelo imóvel na planta, que pode ser personalizado, se mostra uma negociação benéfica.

5. Um imóvel novinho para você e para sua família

Por fim, mas não menos importante, você deve considerar que, ao investir em um imóvel na planta, garante um apartamento novinho para a sua família. 

Mesmo que a negociação demande tempo e paciência até a entrega completa da obra, esta se mostra uma excelente alternativa para quem deseja comprar um bom imóvel por um preço acessível e com condições facilitadas de pagamento.

Se você gosta de decorar o imóvel, não vai ter que se preocupar com grandes transformações. Isso porque a maioria das construtoras oferece o apartamento com as cores de sua escolha. Nesse caso, você deverá, apenas, pensar nos móveis e nos objetos decorativos.

Por outro lado, se você deseja investir em um apartamento para vendê-lo ou locá-lo posteriormente, pode ter a certeza de que um imóvel na planta será inserido no mercado muito mais rapidamente do que um imóvel que foi comprado pronto.

Que cuidados devo ter ao comprar apartamento na planta?

comprar-apartamento-na-planta

Comprar apartamento na planta demanda atenção a alguns pontos essenciais para que o sonho não vire uma grande dor de cabeça. Veja o que você precisa fazer para se preparar:

Planeje as finanças

A compra de imóveis na planta costuma ser feita por meio de financiamentos imobiliários. Geralmente, esse tipo de transação exige uma entrada, mas as construtoras e incorporadoras permitem que ela também seja parcelada enquanto o imóvel estiver em construção. 

Mesmo com condições facilitadas, é importante ter sempre em mente a estabilidade financeira. Isso porque, quando o período de construção terminar, ainda será necessário financiar o restante do valor do imóvel, a menos que você tenha condições de pagar à vista ou já tenha obtido uma carta de crédito de um consórcio imobiliário.

Na hora de fazer o financiamento, compare as propostas de vários bancos. É fundamental que o valor das prestações não ultrapasse 30% da sua renda familiar bruta. Por ser uma transação com um prazo muito longo, é essencial pensar não só na sua situação atual, mas nas perspectivas para os próximos anos.

Pesquise sobre a empresa responsável

Antes de se comprometer com a assinatura do contrato, procure o máximo de informações sobre a construtora responsável pela obra. Pesquise sobre o passado da empresa para saber se ela não teve problemas com empreendimentos anteriores e procure conhecer outras obras que ela entregou para verificar a qualidade do que ela entrega.

Além disso, vá pessoalmente ao local onde o empreendimento será erguido. Isso é importante para dar uma olhada na vizinhança e saber se a região é promissora e tem uma boa infraestrutura para atender suas necessidades. Veja quais são as principais vias de acesso e as áreas de comércios e serviços nas proximidades.

Acompanhe as novidades do Blog da Arbo!


Cadastre-se e receba por e-mail nossa newsletter com tudo que você quer saber sobre imóveis. É grátis!

Outro aspecto importante e que muitos se esquecem é analisar a maquete do empreendimento. A representação dos prédios permite que você avalie o posicionamento do seu imóvel e a vista que ele deve proporcionar. São pequenos detalhes que fazem toda diferença ao comprar apartamento na planta.

Leia o contrato com atenção

O contrato do financiamento deve ser lido com calma e qualquer dúvida deve ser tirada antes da assinatura. O documento precisa informar o valor das parcelas e todas as taxas adicionais cobradas. Além disso, ele deve explicar o sistema de amortização a ser utilizado. O Blog da Arbo já tem um post com mais detalhes sobre como funciona um financiamento imobiliário.

O que você achou deste conteúdo?

Esperamos que este artigo tenha sido útil para você que está pensando em comprar apartamento na planta. E se você está em busca do imóvel ideal, vale a pena conhecer o Portal Arbo. Nele você encontra as melhores opções em centenas de cidades e faz todo o processo de compra com mais agilidade, porque é tudo 100% digital. 

Postagens relacionadas

Seguro residencial: proteção do imóvel após mudança

Mudou-se para um novo imóvel e está preocupado com a segurança? O seguro residencial pode ser uma excelente opção. Saiba mais sobre o tema nesse texto Se você está de mudança para um novo imóvel, deve estar preocupado com a segurança de sua propriedade e de seus bens. Para garantir a proteção da casa ou […]

portas-de-casa

Descubra a origem das portas de sua casa

Saiba como esse item tão essencial para as casas modernas nasceu e quais são os tipos mais usados nos dias de hoje.  Atualmente, é impossível pensar em uma casa sem portas, não é mesmo? Essa é uma parte que 100% dos lares se preocupam em instalar. Mas, você sabe qual a origem das portas? Eles […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *