24 de maio de 2022

Descubra como usar poltronas decorativas nas salas

Quer inovar a aparência das salas e não sabe por onde começar? As poltronas decorativas podem ser ótimas opções dar uma nova aparência ao cômodo

Mudar faz parte da vida dos seres humanos em diversos aspectos. Com os aspectos estéticos do imóvel não é diferente. Desse modo, é comum que, após um tempo de moradia, as pessoas queiram conferir uma nova atmosfera aos cômodos. Nas salas, é possível utilizar diversos itens para esse fim, como as poltronas decorativas.

Nesse texto você vai aprender como utilizar esses móveis da melhor forma possível para renovar a decoração de salas, sejam elas de estar ou de jantar. Contudo, antes disso, que tal descobrir como produzir seus próprios móveis?

O Blog da Arbo separou alguns materiais sustentáveis que podem ser utilizados nessa fabricação, que leva como princípio o DIY, que significa Do It Yourself (Faça Você Mesmo, em tradução literal para o português).

Vamos às dicas?

Como produzir móveis para sua sala?

Se você deseja renovar a decoração das salas de seu imóvel, é possível produzir ou até mesmo reformar móveis antigos. A boa notícia sobre essa técnica é que o processo não precisa ser caro para que o resultado seja esteticamente satisfatório.

Alguns materiais baratos estão disponíveis no mercado e podem combinar com o estilo de decoração que você selecionou para o seu imóvel. Por isso, abaixo você confere algumas dicas de como produzir móveis com pallets, com blocos de concreto e até mesmo com caixotes de madeira.

Móveis com pallets

Os pallets são excelentes materiais para a produção de móveis, uma vez que possuem um custo baixo e são extremamente versáteis. Nesse sentido, podem ser usados para a fabricação de estantes, de racks e até mesmo de sofás.

Se a sua ideia é construir uma estante, por exemplo, é possível posicioná-los de infinitas maneiras, como na vertical e na horizontal. O tamanho do painel também pode ser definido por você, bem como as cores. A pintura desse material é simples e pode ser feita pelos próprios moradores do imóvel.

Para os racks, a indicação mais simples – e, também, funcional – é empilhar os pallets na horizontal. Caso você deseje, é possível, também, posicionar um tampo de vidro para deixar a superfície uniforme para receber objetos decorativos e até mesmo a TV.

O material pode, também, ser utilizado para a produção de prateleiras. Nesse caso, o ideal é fixar os pallets na parede e definir se é melhor pintá-los ou deixá-los em sua cor natural. 

E se você pensa que as opções acabaram, está muito enganado. Existem inúmeros modelos criativos de sofás feitos com pallets. Para garantir o conforto, basta adicionar almofadas ao móvel e pronto: você já pode utilizar o sofá em sua sala.

Para que não lhe faltem inspirações, que tal conferir o vídeo 23 ideias incríveis com pallets, publicado no canal DIY Arqdecore, no YouTube?!

Móveis com blocos de concreto

Os blocos de concreto são excelentes recursos para a decoração de imóveis, especialmente de salas. O material pode ser inserido em diversos estilos decorativos, especialmente naquelas que estão em consonância com uma atmosfera mais industrial.

Uma característica importante dos blocos de concreto é seu baixo custo, bem como a possibilidade de serem provisórios, até que um móvel novo possa ser comprado, por exemplo. 

A praticidade e a facilidade de montagem de móveis é uma das principais vantagens desse material, uma vez que, mesmo que não possua experiência, o morador pode conferir tutoriais e montar seus móveis por conta própria. 

poltronas-decorativas

Os blocos podem ser utilizados tanto em sua cor natural quanto pintados. Caso a primeira opção seja a escolhida, é necessário preparar o material com a aplicação de um selador, que irá evitar sujeiras no cômodo. A fixação de uma peça na outra, bem como em outras superfícies, como madeira e vidro, pode ser realizada com o auxílio de um multifixador de alta adesão.

Além da possibilidade de serem utilizados de forma isolada, os blocos podem ser combinados com outros materiais, como os pallets. Nesse caso, é possível criar prateleiras, estantes, escrivaninhas e até mesmo bancos.

Para te auxiliar nessa tarefa, o canal Diycore com Karla Amadori produziu um vídeo com o passo a passo para a produção de um rack com blocos de concreto. Vamos conferir?!

Móveis com caixotes de madeira

Os caixotes de madeira são muito versáteis e podem renovar a decoração de um cômodo com muita praticidade. Esses materiais podem ser encontrados em feiras, já que são utilizados para o transporte de alimentos. Contudo, se você tiver dificuldades, pode comprar os caixotes diretamente com o feirante.

Assim como os pallets e os blocos de concreto, os caixotes de madeira podem ser utilizados para a produção de vários móveis, como prateleiras, nichos, estantes, escrivaninhas e até mesmo guarda-roupas.

Possibilidades não faltam quando o assunto é decoração com caixotes de madeira. Por isso, busque inspirações e veja como o material pode ser inserido nos cômodos de sua casa.

O vídeo 15 ideias com caixotes de feira para você fazer em casa, publicado no canal Eduardo Wizard, no YouTube, pode te ajudar com referências, que podem ser adaptadas para o seu imóvel. Confira:

Poltronas decorativas: como utilizá-las nas salas?

Agora que você já sabe como utilizar materiais sustentáveis e baratos na produção de móveis para suas salas, chegou o momento de conferir como as poltronas decorativas podem completar esse cenário de inovação.

As poltronas estão disponíveis no mercado em diversas formas, tamanhos e cores. Por isso, você pode ter certeza de que sempre haverá um modelo que irá se encaixar perfeitamente em seu gosto pessoal e no estilo de decoração escolhido para o cômodo.

A boa notícia sobre as poltronas decorativas é que elas se adaptam perfeitamente tanto a ambientes menores quanto em ambientes mais amplos. Além de serem importantes para a estética do cômodo, são ótimos móveis para garantir o conforto e o bem-estar dos moradores.

poltronas-decorativas

Para que você use as poltronas decorativas de forma correta em suas salas, confira abaixo os principais pontos que devem ser observados antes da compra:

Verifique o tamanho da poltrona

O primeiro ponto a ser observado é o tamanho da poltrona – ou das poltronas, caso você queira investir em mais de um item. Caso sua sala seja pequena, o ideal é optar por apenas uma peça, para que o espaço não seja comprometido.

Antes de comprar as poltronas decorativas, meça o cômodo e, posteriormente, pesquise as dimensões dos móveis. Lembre-se de que, para mais conforto e comodidade dos moradores, um espaço mínimo de 90 centímetros é necessário para a circulação.

Qual será sua função na sala?

Além de estar atento ao tamanho da poltrona, você precisa pensar qual será a função do móvel no cômodo. Se as poltronas decorativas forem posicionadas na sala de estar, por exemplo, podem assumir a função de receber visitas e, por isso, devem ser elegantes e confortáveis.

Nas salas de TV o conforto também deve ser priorizado, já que o cômodo é uma das principais áreas de convivência do imóvel. 

Quando utilizadas nas salas de jantar, podem possuir uma funcionalidade mais decorativa e, por isso, podem ser escolhidas com um foco mais estético. Nos quartos, contudo, podem ser reclináveis e contar com apoios de pé, especialmente se o objetivo for garantir o relaxamento do morador.

A escolha da cor e da textura é muito importante

Para escolher as cores das poltronas decorativas, você deve avaliar o estilo de decoração selecionado para o cômodo. Caso o ambiente possua uma característica mais moderna, por exemplo, é possível escolher peças com cores quentes, como o vermelho, o laranja e o amarelo.

No entanto, se o estilo predominante for o escandinavo, as peças devem ser de cores mais neutras, uma vez que a tendência prioriza pequenos objetos coloridos, não grandes móveis.

Além das cores, é importante prestar atenção na textura da poltrona, ou seja, no tecido que irá compor o estofamento. Os materiais disponíveis são diversos, como linho, couro, entre outros. 

Para que haja um equilíbrio decorativo no ambiente, você pode escolher uma textura diferente da textura do sofá, por exemplo.

Por fim, posicione a poltrona de forma correta

Posicionar as poltronas decorativas é, enfim, o último passo para garantir a boa decoração das salas. Nesse ponto, você pode contar com a técnica do círculo visual, que, de maneira geral, estabelece que os móveis estejam dispostos em círculo ou em semicírculo.

Se tiver dúvidas sobre o posicionamento dos móveis, é possível pesquisar por referências e por inspirações em sites na internet.

O que você achou das dicas?

O que você achou das dicas para usar as poltronas decorativas em suas salas? Deixe sua opinião na caixa de comentários abaixo e não se esqueça de, em caso de dúvidas, sugestões ou elogios, nos informar.

Para conferir mais conteúdos como esse, continue a navegar pelo Blog da Arbo. Se você quiser saber tudo sobre decoração de casas e de apartamentos, acesse aqui. Você pode, ainda, descobrir como decorar sua sala de jantar e sua cozinha de forma simples.

Conheça, também, a Central de Ajuda da Arbo, que reúne informações úteis para o seu dia a dia, como o passo a passo para a emissão da segunda via de faturas e para a solicitação de troca de titularidade de contas.

E, para encontrar o imóvel ideal, visite o Portal da Arbo, que está repleto de opções em centenas de cidades do Brasil.

Postagens relacionadas

Simulação-de-financiamento online

Simulação de financiamento online: a ferramenta da Arbo

Está em busca de uma simulação de financiamento online? Confira como a Arbo pode te ajudar.  Um dos passos mais importantes para quem deseja contratar um financiamento de imóveis é realizar uma simulação online. Esse tipo de ferramenta tornou o planejamento financeiro muito mais prático, pois permite ter uma referência sobre a quantidade e o […]

parklets

Parklets: conheça essa tendência

Você sabe o que são parklets? Já viu algum parklet aí na cidade onde você mora ou no seu bairro? Criada em 2005 na cidade de Sna Francisco (EUA), a ideia dos parklets começou a aparecer no Brasil entre 2011 e 2013, principalmente na capital de São Paulo, com o objetivo de agregar valor social […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *