23 de maio de 2022

Mercado de imóveis: Selic e Crédito Imobiliário

Manoel Gonçalves, CEO da Arbo, startup que atua no ramo imobiliário, comenta sobre o cenário econômico atual e o impacto dos fatos mais recentes no mercado de imóveis e na vida dos brasileiros.

Há duas boas notícias: a primeira é sobre a queda da SELIC, a taxa básica de juros, e a segunda é sobre a nova regra de concessão de crédito divulgada pelo presidente da Caixa Econômica nesta última quinta feira (15/08/2019).

Selic cai para 5% ao ano

Quando a taxa Selic sofre redução, impacta diretamente os rentistas, pois com o crédito mais barato, há um maior incentivo à produção e consumo, reduz o controle da inflação e a atividade econômica sofre um estímulo.

Nesse cenário, o que é melhor: comprar ou alugar?

Atualmente, a taxa de locação de imóveis residenciais está na base dos 0,35%, valor considerado muito atrativo pelo mercado, quando comparada a taxa de venda.

Este fato leva os consumidores a optarem pelo aluguel ao invés da compra. Porém, com essa baixa histórica da Selic, a tendência pode inverter e as vendas tendem a aumentar nos próximos meses. 

A Selic não tinha aumento semelhante há anos, e diante desse cenário a situação vai beneficiar a compra de imóveis usados, novos e na planta. Por que cadastrar imóvel na Arbo?

A Nova Taxa De Juros Para Crédito Imobiliário

A nova regra consiste no lançamento das linhas de crédito imobiliário pelo SFH – Sistema Financeiro de Habitação com custo indexado ao IPCA – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo nos novos contratos de financiamento. Diferente de como acontece atualmente, em que o custo é indexado a TR – Taxa Referencial.

Essa medida busca reduzir os juros do financiamento de imóveis no país, aquecendo ainda mais a economia. E leva as pessoas que já possuíam a intenção de comprar um imóvel, a se sentirem mais seguras em relação à economia. 

A tendência é que se reduza um terço do valor do juros, ou seja, a parcela do financiamento de um imóvel completa passa a equivaler a parcela de um aluguel, explicou Manoel, CEO da Arbo.

Com a economia forte, as pessoas são incentivadas a investirem em imóveis de incorporadoras, consequentemente, as incorporadoras constroem mais edifícios, gerando mais empregos na construção civil e a rede toda começa a girar, influenciando a comissão de imobiliárias, corretores e afins.

Para nós do ramo imobiliário, a queda da taxa de juros habitacional representa algo espectacular. A notícia vem para beneficiar todo mundo, tanto os consumidores quanto o mercado da construção civil, declara Manoel, CEO da startup.

Se você estava em dúvida entre comprar ou alugar um imóvel, essas mudanças no mercado imobiliário podem te ajudar a fazer a escolha certa. Busque o imóvel ideal para você, em nosso site e faça a negociação totalmente online: www.arboimoveis.com.br

Confira também mais informações no blog da Arbo.

Postagens relacionadas

imóvel em regime de multipropriedade

Regime de multipropriedade: Conheça as vantagens

O regime de multipropriedade de está se tornando uma prática comum de compra e venda de imóveis de luxo voltado ao lazer.  A propriedade compartilhada no Brasil é frequente no consumo de aeronaves e barcos particulares. A aquisição compartilhada, agora também é possível em relação a compra de imóveis pois em dezembro de 2018 foi […]

Veja dicas de filmes sobre o mercado imobiliário

Quer se tornar um corretor de imóveis ou investir no mercado imobiliário? Então essa lista recheada de dicas de filmes é para você Os corretores de imóveis sabem que, para alcançar sucesso profissional, precisam ter um excelente desempenho em suas vendas. Já os investidores do mercado imobiliário têm conhecimento de que devem estar sempre atentos […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *