25 de setembro de 2021

Descubra como funciona o consórcio imobiliário

como-funciona-o-consórcio-imobiliário

Se você deseja comprar uma casa ou um apartamento, precisa saber como funciona o consórcio imobiliário. Nesse texto você confere todas as informações sobre o assunto

A compra de um imóvel próprio é o sonho de muitos brasileiros. Entretanto, o pagamento à vista não é uma realidade para a maioria da população. Nesse caso, muitos recorrem a alguns recursos financeiros, como financiamentos e consórcios. Este último costuma causar dúvidas, uma vez que muitas pessoas não compreendem como funciona o consórcio imobiliário.

Assim como no financiamento, o consórcio imobiliário permite que o indivíduo compre uma casa ou um apartamento com o auxílio de uma instituição financeira. Entretanto, os dois processos são muito distintos.

Para que você conheça como funciona o consórcio imobiliário e para que possa avaliar se essa é a melhor opção para suas necessidades e preferências, o Blog da Arbo elaborou esse guia. Nesse artigo você vai conferir:

O que é consórcio imobiliário?

O consórcio imobiliário, ao contrário do financiamento, demanda que um grupo de pessoas interessadas em comprar um imóvel se una para arrecadar o valor necessário. Os integrantes do grupo, que são chamados de consorciados, devem contribuir tanto consigo mesmos quanto com os outros por meio do pagamento de uma mensalidade.

Esse pagamento ocorre por um determinado período de tempo – que depende do contrato assinado pelos consorciados – e, a cada vez, um dos indivíduos recebe uma carta de crédito. 

A carta de crédito é concedida por meio de sorteio, que define a ordem de contemplação dos consorciados. No caso do consórcio, todo o processo é organizado e gerenciado por empresas especializadas, chamadas de administradoras.

É necessário ressaltar que, caso não queira esperar pelo sorteio, o consorciado pode ofertar um lance. Entretanto, é importante estar atento às regras relacionadas ao processo, uma vez que cada administradora possui normas próprias.

Seja por meio do sorteio ou por meio do lance, o consorciado recebe uma carta de crédito, que é, também, gerenciada pela empresa administradora. No caso de consórcios, a empresa passa o valor do imóvel para o proprietário, ou seja, não há o depósito do dinheiro na conta do consorciado.

Antes de contratar um consórcio imobiliário, assim como ocorre com os financiamentos, é importante ler o contrato com muita atenção. O documento traz informações essenciais sobre o procedimento na administradora, o que inclui o modo de sorteio, as regras de lances, os direitos e os deveres dos consorciados, entre outros aspectos.

O que saber sobre o consórcio imobiliário?

Antes mesmo de contratar o consórcio de imóveis, é necessário que você defina o valor do imóvel desejado. Para isso, você deve pesquisar sobre quais casas e/ou apartamentos estão de acordo com suas necessidades e preferências.

Não se esqueça de, nesse momento, avaliar todos os aspectos relacionados ao imóvel, como metragem, localização, estrutura do bairro, presença ou ausência de áreas de lazer, entre outros.

Ao considerar tais pontos e, assim, pesquisar opções, você será capaz de determinar um valor médio de investimento. Posteriormente, você deverá entender como funciona o consórcio imobiliário.

Depois de determinar o valor do imóvel, você precisa escolher uma empresa administradora. Nesse momento, é preciso pesquisar muito, para avaliar a reputação da marca no mercado. Uma dica é fazer buscas na internet e se atentar aos comentários de clientes e de ex-clientes.

Após encontrar algumas empresas, é possível realizar uma simulação on-line. Nessa etapa, é importante que você utilize várias ferramentas, para avaliar qual das opções é a melhor de acordo com suas necessidades.

A simulação do consórcio é importante porque irá te mostrar quantas parcelas serão pagas, bem como o valor de cada uma. Uma boa notícia sobre o consórcio é que, no processo, quem escolhe o número de parcelas é o consorciado.

Acompanhe as novidades do Blog da Arbo!


Cadastre-se e receba por e-mail nossa newsletter com tudo que você quer saber sobre imóveis. É grátis!

Juros

Um dos principais benefícios relacionados ao consórcio imobiliário é a ausência de juros – ao contrário do que ocorre nos financiamentos de imóveis. Isso ocorre porque um grupo de pessoas se junta para comprar imóveis à vista.

Dessa forma, ao entender como funciona o consórcio imobiliário, você pode fugir dos juros abusivos cobrados pelas instituições financeiras na contratação de financiamentos. No caso do consórcio, o consorciado precisa arcar, somente, com algumas taxas, que variam de acordo com a empresa administradora.

Algumas das principais taxas cobradas pelas administradoras em consórcios imobiliários são:

  • Fundo comum, que consiste no valor que, de fato, é empregado na compra do imóvel;
  • Taxa de administração, que se refere à remuneração paga à administradora pelo serviço de gerenciamento do processo;
  • Seguros, que podem ser tanto de vida quanto de garantia. A contratação, nesse caso, é opcional.

Assim, é possível afirmar que, caso queira gastar menos com juros e com taxas, você deve considerar a contratação de um consórcio imobiliário.

Burocracia

A inexistência de juros nos consórcios imobiliários permite que o processo seja, também, menos burocrático do que o financiamento. Isso acontece porque o procedimento é menos rígido e, com isso, os contratantes conseguem aderir ao consórcio de uma forma mais simples e rápida. 

No caso dos financiamentos, por exemplo, a análise de crédito é criteriosa e, muitas vezes, indivíduos que não podem comprovar renda fixa – como estagiários e autônomos – não têm acesso à modalidade.

Já com os consórcios, a análise é menos rígida e, portanto, permite que mais pessoas possam conseguir os recursos para a conquista da casa ou do apartamento próprio. 

como-funciona-o-consórcio-imobiliário

Quais são as vantagens do consórcio imobiliário?

Como você pôde perceber ao entender como funciona o consórcio imobiliário, o procedimento apresenta inúmeras vantagens aos consorciados. Veja abaixo alguns dos principais benefícios:

Isenção de juros

O principal benefício relatado pelos consorciados é a isenção de juros no consórcio imobiliário, ao contrário do que acontece nos financiamentos, que, muitas vezes, apresentam valores abusivos aos contratantes.

Apesar disso, é necessário considerar que, como qualquer outro procedimento financeiro, o consórcio cobra algumas taxas, como a de administração. Por isso, é importante que você faça uma simulação antes de escolher a opção.

Possibilidade de usar o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço)

Muitos consorciados podem não saber, mas é possível usar os recursos do FGTS para propor um lance. Essa é uma boa alternativa para os indivíduos que não desejam esperar o sorteio, seja por necessidade ou por preferência de ter o imóvel de forma imediata.

Outra possibilidade referente ao FGTS é a utilização de seus recursos para o pagamento de parcelas atrasadas e até mesmo futuras.

Mais opções de crédito imobiliário

Por fim, o maior leque de opções de crédito imobiliário deve ser considerado como uma vantagem por quem deseja contratar um consórcio. Isso significa que o consorciado tem mais autonomia para decidir a respeito de questões relacionadas ao número e ao valor das parcelas.

O consórcio imobiliário permite, ainda, que a carta de crédito cubra totalmente o valor do imóvel ou apenas uma parte. Esse é um benefício, principalmente, para indivíduos que já possuem recursos suficientes para o pagamento de uma entrada, por exemplo.

como-funciona-o-consórcio-imobiliário

Quais são as desvantagens do consórcio?

Apesar de apresentar muitos benefícios, o consórcio imobiliário também possui desvantagens, que precisam ser analisadas pelo indivíduo antes da decisão final de contratação da modalidade.

Cobrança de taxa administrativa

Conforme mencionado acima, o consórcio imobiliário não engloba a cobrança de juros. Entretanto, é necessário que o indivíduo considere o pagamento de taxas, incluindo a administrativa, que é direcionada à empresa que gerencia todo o processo.

A taxa administrativa varia de acordo com o contrato e com a empresa, mas, na maioria dos casos, é de 15%.

Além disso, o consórcio pode ter outras taxas, como:

  • Fundo de reserva;
  • Seguros;
  • Taxa de adesão.

Mais riscos do que o financiamento

Uma das principais desvantagens quando o assunto é como funciona o consórcio imobiliário é a existência de mais riscos, especialmente em comparação ao processo de financiamento.

Isso ocorre porque, no consórcio, o indivíduo assume não somente seus próprios riscos, mas também o de todos os demais integrantes do grupo. 

Suponha, por exemplo, que um dos consorciados parou de pagar as mensalidades. Nesse caso, você e os demais participantes deverão cobrir o valor, seja por meio do uso dos recursos do fundo de reserva ou de outra forma – que deve estar prevista no contrato.

Demora no sorteio

Por fim, antes de contratar um consórcio imobiliário, o indivíduo deve considerar que, muitas vezes, existe demora para ser sorteado. Isso porque essa ação depende de sorte ou, ainda, de o consorciado oferecer um lance maior do que os outros participantes.

Dessa forma, é possível que você tenha que esperar muitos e muitos anos antes de realizar o sonho do imóvel próprio.

Quer saber mais sobre o tema? O vídeo A Verdade Nua e Crua sobre Consórcio Imobiliário, publicado no canal Rafael Seabra, no YouTube, pode te ajudar:

O que achou desse conteúdo?

Agora que você já sabe como funciona o consórcio imobiliário, pode decidir se esta é a opção ideal para a compra de seu imóvel. Deixe na caixa de comentários abaixo sua opinião sobre esse conteúdo.

Caso queira avaliar outra opção, é importante saber mais sobre o financiamento imobiliário. Você pode conferir mais informações em um dos artigos publicados no Blog da Arbo.

E se você deseja encontrar o imóvel ideal, não deixe de acessar o Portal da Arbo. Lá você encontra milhares de casas e de apartamentos disponíveis em centenas de cidades do Brasil. 

Postagens relacionadas

Crédito imobiliário: tudo o que você precisa saber antes da negociação

Quer comprar uma casa ou um apartamento e precisa entender melhor sobre o crédito imobiliário? Confira as informações De acordo com dados da Cbic (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), o setor da construção civil cresceu, aproximadamente, 5,6% no terceiro trimestre de 2020, em comparação com o trimestre anterior. Isso mostra que, mesmo na pandemia, […]

melhores bairros de Guarapari

Conheça os melhores bairros de Guarapari

Qualidade de vida e muito contato com a natureza são pontos fortes nos melhores bairros de Guarapari. Saiba mais sobre a cidade! Morar nos melhores bairros de Guarapari traz a oportunidade de aproveitar todos os dias as vantagens que atraem centenas de milhares de turistas do mundo todo a cada ano. Repleta de belezas naturais, […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *