24 de maio de 2022

Decoração de interiores: como fazer na sua casa?

decoração de interiores

Quer caprichar no visual da sua casa e ainda melhorar a maneira como os espaços são aproveitados? Veja como a decoração de interiores pode ajudar!

A decoração de interiores é capaz de transformar qualquer ambiente de formas surpreendentes. Por meio das técnicas corretas, é possível deixar cada cômodo da sua casa com um visual estiloso e fazer com que todo o espaço seja muito bem utilizado, trazendo diversos benefícios.

Neste post, o Blog da Arbo traz várias dicas para quem quer deixar o lar mais bonito e funcional. Você verá um passo a passo para planejar a decoração e ainda terá uma visão geral sobre as principais tendências da atualidade. Confira!

O que é decoração de interiores?

O objetivo da decoração de interiores é aperfeiçoar os ambientes em termos estéticos para que eles sejam mais confortáveis. Para isso, os profissionais da área fazem um planejamento que lhes permita identificar as preferências dos moradores e buscam referências para aplicar estilos variados.

A decoração do lar faz parte da vida humana desde que nossa espécie deixou a vida nômade para se estabelecer em locais específicos. As tribos antigas já utilizavam adornos para deixar suas moradias mais bonitas e buscavam maneiras de aumentar seu conforto. 

Com o tempo, os recursos utilizados evoluíram. Hoje contamos com inúmeras alternativas para compor visuais personalizados e dar um toque especial até mesmo em relação à arquitetura das residências. Elementos como a iluminação, as cores e os materiais utilizados são cada vez mais variados.

Uma boa decoração de interiores depende do poder criativo de quem a elabora. No caso dos especialistas, é necessário atuar dentro das limitações de espaço e da demanda dos moradores. 

Embora tenha evoluído muito ao longo dos séculos, essa esteve muito restrita às camadas mais elitizadas da sociedade. Hoje, porém, é possível obter grandes resultados mesmo com poucos recursos.

Como fazer decoração de interiores?

Para caprichar na decoração de interiores da sua casa, é necessário se atentar a diversos aspectos que vão desde o planejamento do espaço até a escolha de cada item. Os detalhes fazem toda a diferença, por isso, confira o passo a passo para criar um visual único e sofisticado para seu lar.

Tire as medidas do cômodo

Antes de escolher os modelos dos móveis, as cores das paredes ou qualquer outro item decorativo, é essencial ter a perfeita noção do espaço em que você vai trabalhar. Por isso, pegue uma trena para medir todo o ambiente que pretende decorar. Anote a altura do pé-direito e o comprimento das paredes.

A mobília precisa ser proporcional ao tamanho do cômodo, por isso, é importante considerar também o tamanho e a posição das portas e das janelas. Enquanto estiver fazendo a medição, você já conseguirá imaginar algumas alternativas interessantes.

Escolha um estilo decorativo

A escolha dos móveis e de todos os demais elementos também será guiada pelo estilo decorativo que você mais gosta. O Blog da Arbo já tem uma série de conteúdos explicando características de estilos variados e mostrando como aplicá-los ao seu imóvel. Você pode começar pelo nosso post sobre como escolher um estilo de decoração.

Para resumir, o ideal é que o visual do seu lar seja a representação da sua identidade. Isso pode ser refletido por vários aspectos, como a paleta de cores, o posicionamento e o estilo dos móveis, os recursos de iluminação e a maneira como os cômodos são divididos.

Busque referências

O passo seguinte é buscar referências visuais para se inspirar. Hoje é muito fácil encontrar conteúdos com dicas de decoração e muitas imagens. Depois de identificar o estilo decorativo que mais agrada, é só procurar por informações sobre ele para entender como implementá-lo.

Vamos supor que você tenha se interessado pela decoração minimalista, que é ideal para quem quer praticidade e funcionalidade. É interessante saber que um de seus componentes essenciais é o uso de cores neutras, como o branco, o preto e o bege. Além disso, os móveis priorizam as linhas retas e a economia de espaço, valorizando ambientes pequenos. 

Faça esboços

Pensando na melhor maneira de posicionar a mobília, ter uma representação visual de como o cômodo ficará depois de pronto vai ajudar bastante. Felizmente, não é necessário ser um expert dos desenhos para fazer isso, já que hoje temos muitos apps que ajudam a fazer isso.

O MagicPlan, por exemplo, permite escanear plantas de casas que já existem com o seu celular, incluir virtualmente diversos elementos e até estimar custos de eventuais obras. Já o Houzz é um app que possibilita criar a planta e procurar móveis e objetos decorativos.

Estabeleça um orçamento

A próxima etapa é estabelecer um orçamento, ou seja, procurar lojas especializadas e pesquisar o custo dos elementos que você gostaria de utilizar na sua decoração de interiores. Obviamente, você vai encontrar uma infinidade de possibilidades com preços e padrões de qualidade distintos. 

Portanto, sua tarefa é definir prioridades: quais itens demandam um investimento maior? Será que algum elemento pode ser deixado de lado para viabilizar outro? É o momento de filtrar o que vale mais a pena e, claro, o que cabe no seu bolso.

Reaproveite o que tem em casa

Reutilizar móveis e itens de decoração que você já tem é uma excelente maneira de reduzir custos. Pode ser que vários elementos se encaixem perfeitamente no estilo que você escolheu e só precisem de um ou outro ajuste. Além disso, por que não dar um toque personalizado com algo feito por conta própria?

Este vídeo do canal Ideias Incríveis mostra dezenas de objetos que podem ser produzidos facilmente:

Quais são as principais tendências?

A decoração de interiores está em constante evolução e novas tendências aparecem o tempo todo. Neste tópico, listamos algumas das que estão em evidência neste ano e devem perdurar por algum tempo.

Teto colorido

Limitar o uso das cores apenas às paredes é coisa do passado. Elas podem e devem ser exploradas também no teto, dando um toque a mais de personalidade aos ambientes. E não precisamos mais nos prender às variantes da cor branca. Agora, utilizar cores vivas no teto é muito interessante. Apenas tenha o cuidado de utilizar tons mais fechados.

Móveis coloridos

Os móveis coloridos também voltaram a ganhar espaço depois de uma época em que os tons neutros predominavam. As novas opções de acabamento proporcionam muito mais possibilidades na hora de deixar a criatividade fluir. Assim como na pintura do teto, dê preferência a tons fechados.

Tintas com pigmentos naturais

Já que os tópicos anteriores falam de cores, vale destacar que o uso de tintas naturais também é uma das tendências de decoração de interiores. São pigmentos extraídos de folhas, de sementes e da terra. O visual faz lembrar habitações primitivas, o que fica muito bem em decorações no estilo rústico.

Revestimento com ladrilho hidráulico

O ladrilho hidráulico é um tipo de revestimento que foi muito utilizado pelo Império Bizantino e é extremamente versátil. Ele pode ser aplicado com uma grande variedade de padrões e hoje é visto até em móveis fixos, como bancos e mesas, além de cobrir as paredes, proporcionando um belo efeito.

Luminárias

Na hora de procurar uma luminária para sua casa, você pode encontrar opções dos mais variados tipos e tamanhos. Existem opções disponíveis feitas com ferro, plástico, vime, madeira, alumínio, vidro, entre outros materiais. Tudo vai depender do estilo que você deseja implementar. 

Uma luminária pendente com lustre de vime é perfeita para ambientes mais rústicos. Se a sua intenção é fazer uma decoração retrô, a luminária de ferro é ideal para você. Agora, se você prefere criar uma sala de estar de estilo moderno, pode apostar nas peças feitas com plástico, vidro ou alumínio.

Receba nossos novos conteúdos por e-mail!


Cadastre-se na newsletter semanal do Blog da Arbo, com tudo que você quer saber sobre imóveis. É grátis!

Painéis de madeira

Os painéis de madeira dão inúmeras possibilidades para a decoração de interiores. Hoje você encontra alternativas com portas de correr ou de abrir. Boa parte deles é construída de forma que essas portas ficam camufladas, contribuindo para um visual uniforme e elegante. Os painéis com texturas de superfície opaca são os mais recomendados quando há a intenção de ocultar as portas de algum ambiente ou de um armário.

Camas dobráveis e de correr

Para imóveis menores, cada centímetro economizado faz diferença. Por isso, os móveis funcionais ganharam relevância e as camas dobráveis estão entre os itens mais procurados. Você encontrará opções que podem ser guardadas facilmente quando não estão em uso, permitindo que o espaço do cômodo seja aproveitado de outras maneiras durante o dia.

E aí, gostou das nossas dicas de decoração de interiores. O Blog da Arbo tem um monte de conteúdos para quem quer conhecer ainda mais sobre o tema e caprichar no visual do lar. Confira nosso post com tudo que você precisa saber para decorar sua casa.  

Postagens relacionadas

lavanderia-decorada

Lavanderia decorada: faça a sua de forma simples e barata

Em muitos lares, áreas de serviço ainda são sinônimos de dor de cabeça quando o assunto é decoração, e por isso, neste post você vai aprender como ter uma lavanderia decorada e ao mesmo tempo muito funcional! Por ser um espaço feito para atividades de limpeza, onde a maioria das pessoas não quer passar tanto […]

decoração-retrô

Decoração retrô: saiba tudo sobre o estilo

Você já ouviu falar de decoração retrô? Se você está pensando em decorar sua casa nova, fique com a gente, nós trouxemos as principais dicas. Em algum momento da sua vida, você já pensou na decoração de sua casa, seja antes de construí-la ou depois de muitos anos morando nela. A verdade é que uma […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *