27 de janeiro de 2022

Saiba como usar plástico bolha em sua mudança

plastico-bolha

Está em fase de mudança e ainda não sabe como vai embalar os seus itens pessoais? Confira então as vantagens do plástico bolha. 

Quem vai fazer mudança está preocupado com diversos detalhes, não é?! São muitos processos e questões para resolver em um curto espaço de tempo. E é justamente por isso que muitas pessoas acabam esquecendo de um assunto essencial: a embalagem dos itens de mudança. São inúmeras as formas de embalar seus pertences, mas neste texto do Blog da Arbo vamos explicar como você pode usar o plástico bolha. 

Entretanto, antes disso, que tal explicarmos um pouco sobre os tipos de embalagens que você pode usar em suas mudanças? Confira a lista abaixo. 

Embalagem de mudança: quais são os principais tipos

plástico-bolha

Quando falamos sobre embalagem de mudança, temos muitas opções disponíveis para escolher. Em geral, inclusive, uma mudança exige que você utilize mais de um tipo de embalagem, já que cada um tem as suas especificidades e funciona melhor com um determinado tipo de objeto.  

Confira alguns tipos de materiais mais utilizados logo abaixo: 

Caixas

O tipo de embalagem mais comum em uma mudança de casa ou de apartamento, as caixas podem ser feitas de muitos materiais diferentes: papelão, madeira e plástico são os mais comuns. O que muda entre esses tipos de caixas, claro, é a resistência e a durabilidade. 

As caixas de papelão, por exemplo, são versáteis e possuem diversos modelos, como as que contém divisórias, ideais para o carregamento de objetos que não podem se chocar. 

Disponíveis em diversos tamanhos, são utilizadas para transportar objetos pouco frágeis, como roupas, objetos decorativos, sapatos e até mesmo eletrodomésticos pequenos, como cafeteiras e microondas.

Na maioria dos casos, os moradores preferem utilizar caixas de tamanho mediano, já que são capazes de transportar uma boa quantidade de itens, ao mesmo tempo em que não comprometem o carregamento por conta do excesso de peso.

Outro ponto importante é verificar se as caixas de papelão são resistentes, uma vez que, se rompidas durante a mudança, podem danificar seus objetos, além de causar uma bagunça que irá comprometer o carregamento ou o descarregamento.

Já as caixas de madeira são ainda mais resistentes do que as de papelão. Esse tipo de embalagem é indicado para o transporte de materiais mais frágeis e perecíveis, como objetos de vidro. Desse modo, se você precisa carregar vinhos, quadros, vasos e outros itens frágeis, prefira as caixas de madeira.

Por fim, temos a caixa de plástico. Essa opção, além de ser ecologicamente correta, é resistente e pode ser utilizada para carregar todos os tipos de objetos. Itens pesados e objetos frágeis, por exemplo, podem ser alocados em caixas de plástico. 

Redutores de impacto

Os materiais redutores de impacto são um tipo de embalagem para mudança que tem ganhado espaço no mercado nos últimos tempos. Feitos de papelão ou de cartolina, são capazes de proteger vidros, eletrodomésticos e máquinas de espelhos.

Esse material pode ser encontrado em empresas especializadas na venda de embalagens para mudança. 

Fita adesiva e demais acessórios

E, por fim, temos a fita adesiva. Apesar de não ser propriamente um tipo de embalagem para mudança, é um item tão indispensável para o sucesso do transporte dos itens que merece destaque em nossa lista, já que você vai precisar dela para, por exemplo, lacrar as caixas e, assim, garantir que os objetos não sejam danificados.

Além disso, é possível que você precise de outros itens, como canetas, que irão servir para indicar o que há em cada embalagem. Esse passo é fundamental para garantir, posteriormente, a organização dos objetos no novo imóvel.

Você quer saber mais sobre os principais tipos de embalagens para mudança? Então clique aqui e leia o texto do Blog da Arbo que fala especificamente sobre esse assunto. 

plástico-bolha

Plástico bolha: por que usar nas mudanças

Agora que falamos um pouco sobre os tipos de embalagens disponíveis para você usar na mudança, vamos ao plástico bolha. 

O plástico bolha é um dos materiais mais utilizados em embalagem para proteger os móveis em uma mudança. Isso se deve ao fato de esse material ser extremamente eficiente na tarefa de proteger os objetos dos impactos do transporte. 

Caso seja aplicado da forma certa, o plástico bolha evita quebras, danos e arranhões em objetos considerados frágeis, como itens de decoração, espelhos, pratos e copos, por exemplo. Além disso, o plástico bolha é comumente usado para embalar móveis e eletrodomésticos, como sofás, geladeiras e mesas de centro.

No mercado, existem diversos tipos de plásticos e bolhas disponíveis em lojas especializadas. Contudo, os mais indicados para mudanças são os que têm as maiores bolhas, já que é justamente esse mecanismo que torna o material tão eficiente para proteger os objetos. 

Uma dica legal é, antes de fazer a compra em si, testar a resistência do plástico bolha tentando rasgá-lo. Caso você consiga rasgar um pedaço do plástico com muita facilidade, é uma boa ideia pensar em outro tipo para a sua mudança. Isso porque, de maneira geral, plásticos bolha resistentes costumam ser rompidos apenas com o emprego de uma tesoura ou de um estilete.

Como usar plástico bolha de maneira correta? 

Agora que você já sabe quais são as vantagens de usar o plástico bolha em sua mudança, vamos a algumas dicas práticas para você não errar na hora de embalar.  Nós separamos 4 dicas que podem te ajudar nesse processo:

1 – Envolva todo o objeto com o plástico 

Para começar, envolva toda a superfície do objeto com o plástico bolha. Não esqueça das dobras e das partes superiores. Caso o objeto seja muito grande, como os eletrodomésticos, por exemplo, conte com a ajuda de mais uma pessoa. Não tente fazer sozinho. 

2 – Prenda o plástico com fita adesiva

Lembra da fita adesiva? Então, ela é muito importante nesta hora também. Prenda o seu plástico bolha com uma fita adesiva para não deixar nenhuma folga com a superfície do objeto. 

3 – Acerte na escolha do plástico bolha

Já falamos um pouco neste texto sobre como é o plástico bolha ideal para a sua mudança. Lembre-se que existem diversos tipos no mercado e errar na escolha pode significar um dano para o seu objeto durante o transporte. 

Para produtos pequenos, use o modelo com bolhas de ar menores. Já para mercadorias grandes, é essencial que você use um plástico com bolhas maiores para suportar o peso.

4 – Faça o teste final 

Após finalizar todo o processo de embalagem do seu objeto com plástico bolha, vale a pena dar uma última conferida se está tudo certo. 

Olhe com calma, principalmente, as dobras e os locais mais difíceis de embalar. Se tudo estiver certo, coloque seu objeto no veículo com a garantia de que ele não será danificado no transporte. 

Vamos para uma dica prática? No vídeo que separamos a seguir, você verá como embalar um guarda roupa com plástico bolha. Durante o vídeo, preste atenção em todos os processos e técnicas que o profissional utiliza para deixar o móvel bem embalado. Essa pode ser uma grande forma para você aprender e colocar em prática na hora de embalar os objetos da sua mudança. 

Está muito difícil de organizar a mudança? Conte com a ajuda de profissionais 

Em alguns textos do Blog da Arbo, já explicamos sobre esse assunto. Entretanto, é importante ressaltar: existem diversas opções de empresas de transporte disponíveis no mercado caso você precise de ajuda. 

Você pode escolher entre carretos, fretes, caminhões de mudança e até mesmo mudança compartilhada. Para escolher, é necessário avaliar sua necessidade. Se você tem muitos móveis e vai viajar por uma longa distância, pode ser que a melhor opção seja contratar uma empresa de mudança. 

Caso queira dicas sobre como contratar a empresa de mudança de forma correta, leia este texto do Blog da Arbo. Nele, você entende melhor como acertar na escolha e como não ter problemas durante a sua mudança.

plástico-bolha

E aí, gostou deste artigo sobre plástico bolha na sua mudança?

Agora que você aprendeu os benefícios do plástico bolha para a sua mudança, deixe nos comentários para a gente saber que o conteúdo foi útil. Você também pode nos dar sugestões de conteúdos ou fazer críticas em relação a esse artigo. 

Acesse o Blog da Arbo para conferir mais conteúdos semelhantes que podem fazer sentido pra você. 

Já que você está de mudança, que tal acessar o artigo Guia de mudanças: o que saber antes de ir para o novo imóvel?! Você também pode se interessar  por Como embalar objetos de vidro para a mudança.

Postagens relacionadas

Financiamento-imobiliário

O que é e como funciona o financiamento imobiliário?

Está pensando em fazer financiamento imobiliário para comprar o seu primeiro imóvel? Então, confira os detalhes sobre essa modalidade de compra no texto abaixo  Adquirir um novo imóvel é um grande passo na vida. Mas seja qual for a sua situação financeira, é sempre importante realizar um bom planejamento antes de tomar uma decisão tão […]

troca de apartamento

Troca de apartamento: quais são os cuidados?

Se você deseja realizar a troca de apartamento, precisa se certificar de que o novo imóvel é uma boa opção. Nesse texto você vai verificar tudo que precisa ser analisado antes da negociação e da mudança É possível que você já esteja cansado de morar no mesmo imóvel após muitos e muitos anos. Por isso, […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *