27 de fevereiro de 2024

Recuperação da inadimplência: um guia prático para imobiliárias

inadimplência imobiliária

A recuperação da inadimplência pode ser mais fácil se sua imobiliária tiver políticas claras

A inadimplência no setor imobiliário pode representar um desafio significativo para as imobiliárias, afetando não apenas os resultados financeiros, mas também a eficiência operacional e a reputação do negócio. 

E, para evitar que essa questão se torne uma bola de neve e prejudique o seu negócio, você precisa ter em mãos estratégias para recuperação da inadimplência.

Para te ajudar nessa missão, neste artigo vamos aprofundar em aspectos-chave da recuperação da inadimplência, desde os impactos nas operações até estratégias práticas para reduzir os índices de inadimplência da sua imobiliária.

Panorama da inadimplência imobiliária no Brasil

Todos que trabalham com carteira de locações lidam com a inadimplência, mas é muito comum que o gestor ou o administrador de locações fique em dúvida se a taxa da inadimplência locatícia da sua imobiliária está alta ou não.

Por isso, a seguir, vamos compartilhar alguns dados sobre a inadimplência no Brasil para que você possa tirar as suas próprias conclusões a respeito da taxa de inadimplência da sua imobiliária.

O levantamento intitulado Mapa da Inadimplência e Negociação de Dívidas no Brasil, divulgado pelo Serasa, oferece uma visão abrangente do cenário da inadimplência no país. 

Apesar de não ser especificamente focado no mercado imobiliário, os dados revelam que, em novembro do ano passado, cerca de 71,1 milhões de brasileiros estavam em situação de inadimplência.

Ao trazer o recorte da inadimplência para o contexto da maior cidade do país, São Paulo, o Índice de Análises das Ações Locatícias, divulgado pelo Secovi-SP, traz dados específicos sobre o mercado imobiliário. 

Na última atualização, em novembro de 2023, foram ajuizadas 795 ações relacionadas ao mercado de locação na cidade de São Paulo. Deste total, 86,2% foram motivadas por falta de pagamento do aluguel. 

Já o Índice de Inadimplência Locatícia da Superlógica Arbo mostrou que o número de clientes que não pagam o aluguel há mais de 60 dias vem aumentando, pouco a pouco, desde de junho de 2023.

Em junho, a média de inadimplência em todo o país foi de 3,28%. Já em dezembro, a taxa de inadimplência locatícia chegou a 3,82%, acelerando 0,54 ponto percentual no período, sendo 0,26 p.p. em relação ao mês anterior.

índice de inadimplência locatícia

Impactos da inadimplência na sua imobiliária

A inadimplência pode ter efeitos negativos no financeiro, na operação e na imagem da sua imobiliária. 

Inclusive, é importante destacar que um contrato inadimplente pode gerar um custo calculado de R$ 4.600,00.

Financeiramente, o não recebimento dos aluguéis impacta diretamente a receita da imobiliária, levando a possíveis dificuldades de caixa, atraso em investimentos e, em última instância, prejuízos. 

Além disso, a inadimplência pode aumentar os custos operacionais, pois demanda esforços adicionais na cobrança e na administração de processos judiciais, caso essa medida seja necessária.

Operacionalmente, a inadimplência pode sobrecarregar a equipe responsável pela gestão de contratos de locação. 

Afinal, a constante necessidade de cobrar inquilinos inadimplentes gera uma demanda adicional de tempo e esforço por parte da equipe, energia que poderia ser direcionada para atividades mais estratégicas.

Já em relação à imagem da imobiliária, a inadimplência pode afetar diretamente o relacionamento com os proprietários.

Se a falta de recebimento do aluguel for recorrente e a imobiliária não tiver estratégias para minimizar essa questão, como o aluguel garantido, o proprietário pode perder a confiança que depositou no seu negócio, já que ele espera uma gestão eficiente por parte da sua imobiliária. 

Diante dessa frustração, existe o risco do proprietário insatisfeito decidir transferir a administração de seus imóveis para outra imobiliária.

Como levar o assunto inadimplência para o proprietário?

Em casos de falta de pagamento do aluguel, é essencial levar o assunto para os proprietários de forma eficaz e sensível para que ele fique ciente da situação. 

Para conversar sobre inadimplência com o proprietário, é fundamental:

  • Reunir informações completas sobre a inadimplência, incluindo os valores em atraso, os passos que você tomou para resolver o problema e qualquer comunicação com o inquilino inadimplente;
  • Ser honesto e transparente sobre a situação de inadimplência, explicando os detalhes do atraso nos pagamentos. Use dados concretos para respaldar as informações que você repassar;
  • Apresentar um plano de ação, deixando claro o que a imobiliária está fazendo para lidar com a inadimplência e recuperar os pagamentos em atraso. 

Políticas para recuperação da inadimplência

A sua imobiliária também precisa ter políticas voltadas para a recuperação da inadimplência desde o início do processo de locação. 

Isso inclui a adoção de algumas estratégias importantes, como veremos a seguir.

Análise de riscos

Para recuperar a inadimplência, você precisa realizar uma análise contínua dos riscos de inadimplência durante o processo de seleção de locatários. 

Aqui, vale a pena utilizar ferramentas e tecnologias para avaliar o histórico de crédito, capacidade financeira e comportamento de pagamento dos potenciais locatários.

Comunicação transparente

Manter uma comunicação transparente com os locatários desde o início também é importante para a recuperação da inadimplência. 

Isso ajuda a esclarecer as políticas de pagamento, datas de vencimento e consequências em caso de atraso, estimulando o inquilino a manter as contas em dia.

Cobranças automatizadas

Para ajudar na recuperação da inadimplência, você também pode implementar um sistema de cobrança, com lembretes automáticos antes das datas de vencimento. 

Agir rapidamente diante de atrasos, iniciando o processo de cobrança de forma assertiva pode ajudar a reduzir a inadimplência da sua imobiliária.

Clique aqui e conheça 9 políticas para reduzir a inadimplência.

Melhores práticas para garantir a recuperação da inadimplência

Para além das políticas de recuperação da inadimplência discutidas anteriormente, é fundamental adotar uma abordagem proativa na cobrança de aluguel

Existem diversas medidas que podem ser implementadas, como lembretes automáticos e opções de pagamento flexíveis, mas devemos destacar a negociação e o acordo como duas alternativas essenciais.

Quando se trata da recuperação da inadimplência, a abordagem de negociação e acordo oferece vantagens significativas em comparação com a busca imediata por medidas judiciais, por diversos motivos.

Em primeiro lugar, a negociação e o acordo permitem um diálogo aberto e flexível entre a imobiliária e o locatário, possibilitando a identificação de soluções mutuamente benéficas para as partes envolvidas.

Além disso, a negociação tende a ser mais rápida e menos onerosa do que outros métodos de cobrança de aluguel, proporcionando eficiência e economia no processo de recuperação da inadimplência.

Outra razão para priorizar a negociação e acordo é a preservação do relacionamento com o locatário. Ao adotar essa abordagem, a imobiliária ganha a confiança do cliente, reduzindo possíveis atritos e mantendo uma reputação positiva.

E, mesmo que a cobrança de um inquilino inadimplente possa gerar conflitos e tensões, é possível garantir um processo de recuperação pacífico. 

Para isso, é essencial que a equipe de locações domine técnicas eficazes de resolução de conflitos, minimizando impactos negativos nas relações com os locatários.

O papel da equipe de locações na recuperação da inadimplência

A eficácia na recuperação da inadimplência vai além de políticas e processos estruturados. Ela também depende, em grande parte, da habilidade da equipe em lidar com situações desafiadoras. 

E é neste momento que o treinamento adequado se torna um componente super importante para que a sua imobiliária consiga enfrentar a inadimplência.

Ao oferecer treinamentos específicos, você capacita a sua equipe para entender os principais aspectos dessas situações, desde a identificação precoce de sinais de inadimplência até a aplicação de estratégias eficazes de recuperação.

Invista em técnicas de negociação para ter sucesso na recuperação da inadimplência

Negociar com locatários em situação de inadimplência requer habilidades específicas de negociação. 

Isso significa que a sua equipe precisa aprender a abordar essas conversas de maneira empática, porém firme, entendendo as necessidades do locatário enquanto busca uma solução justa para ambas as partes. 

Neste momento, para trazer mais segurança e assertividade para a sua equipe, vale a pena investir em capacitação e treinamentos que possuem simulações de situações reais, proporcionando à equipe a prática necessária para lidar com casos complexos. 

Como a Superlógica ajuda na recuperação da inadimplência

Se você chegou até aqui, já sabe que é preciso ter um processo bem estruturado para a recuperação da inadimplência, que envolve a adoção de estratégias eficientes desde a seleção dos locatários até as ações de cobrança de aluguel.

Para que todo o trabalho de recuperação da inadimplência seja mais simples e para que a sua equipe tenha as ferramentas certas na hora de cobrar os inquilinos, queremos apresentar a Plataforma Superlógica.

A Plataforma Superlógica foi desenvolvida para tornar sua rotina na administração de imóveis mais eficiente e, por isso, nossa plataforma oferece as ferramentas essenciais que você precisa. 

Pronto para descobrir como a Plataforma Superlógica pode ser a sua aliada na redução da inadimplência? Assista ao vídeo abaixo.

Como você viu no vídeo acima, a Plataforma Superlógica oferece três ferramentas poderosas para auxiliar na recuperação da inadimplência. 

Essas ferramentas foram desenvolvidas com o objetivo de proporcionar às imobiliárias recursos eficazes e integrados, otimizando o processo de gestão financeira e facilitando a recuperação da inadimplência.

Clique aqui e descubra como a Superlógica pode ser sua aliada na recuperação da inadimplência, tornando sua rotina mais eficiente e tranquila.

Ellen Ramos Cardoso

Recuperação da inadimplência: um guia prático para imobiliárias

Ellen é jornalista e traz consigo uma bagagem que combina experiências em agências de comunicação, assessoria e jornais. É responsável pelos conteúdos aqui do blog e da Arbo 360º, com o compromisso de ajudar gestores e imobiliárias a descomplicar suas rotinas e impulsionar os resultados.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *