29 de novembro de 2021

Dicas para montar um jardim vertical na sua casa

Quer levar a natureza para dentro do seu imóvel? O jardim vertical é uma excelente alternativa para aumentar o seu contato com a natureza sem sair de casa 

Se você possui uma casa ou um apartamento, que pode ser grande ou pequeno, precisa saber que sempre há como levar aquele tom de verde e de natureza para o seu dia a dia. Uma das principais formas de inserir as plantas em seu imóvel é por meio da construção de um jardim vertical.

A possibilidade surgiu para mostrar que comprar um vaso de plantas e posicioná-lo em um cantinho do imóvel não é a única maneira de trazer o verde para o seu cotidiano. Pensando nisso, hoje vamos verticalizar as possibilidades.

Diante disso, é importante que você saiba que pode aproveitar aquela parede vazia e sem vida que tem em um cômodo para elaborar um grande projeto, que, com certeza, irá mudar a forma como você passa seu tempo no local. Isso porque a inserção de um jardim vertical no imóvel traz mais leveza, paz e alegria para o ambiente.

Para que você saiba como montar seu jardim vertical, vamos abordar nesse texto algumas dicas que podem te auxiliar em cada uma das etapas, como:

As plantas mais adequadas

Antes de escolher as espécies de plantas que irão integrar seu jardim vertical, é importante, primeiramente, verificar qual é a incidência de luz no local.

Nesse aspecto, é válido ressaltar que, para o cultivo de plantas em cômodos internos, é muito importante ter bastante luminosidade natural indireta. Você poderá utilizar as chamadas plantas de sombra, como orquídeas, samambaias, antúrios, jiboia, violetas, entre outras.

Contudo, caso você queira montar uma parede verde na área externa do imóvel, é provável que a incidência de luminosidade solar seja maior. Nesse caso, você irá precisar selecionar plantas de Sol pleno ou de meia-sombra. Algumas espécies que podem ser utilizadas são: onze-horas, calanchoê, barba-de-serpente, clorofito, brilhantina, entre outros.

Se você optar por misturar várias plantas na composição da parede verde, é preciso ter cuidado, pois algumas plantas são de crescimento mais agressivo que outras e podem acabar sobrepondo as demais. Isso acaba prejudicando sua fotossíntese e causa, por fim, sua morte.

Um exemplo é a planta jiboia em relação a samambaia. Quando posicionadas próximas, é possível notar que a samambaia perde a disputa por espaço para a jiboia e, por isso, sofre para se desenvolver.

Como realizar a irrigação do jardim vertical?

Há projetos de jardins verticais que podem ser adquiridos já prontos, compostos, inclusive, por um sistema de irrigação e por todos os demais mecanismos necessários para a sobrevivência das espécies. No entanto, você também pode optar por fazer algo mais simples com um palete apenas e escolher realizar de maneira manual as regas. Isso tudo depende da disponibilidade de tempo que você tem no seu dia a dia.

O importante é sempre verificar a necessidade de rega para as plantas, pois uma mesma espécie pode apresentar variações na frequência de regas de acordo com a região do país em que está inserida.

Se você mora em um local mais quente, vai regar com mais frequência. Entretanto, caso more em local mais frio e úmido, a frequência de rega já diminui.

A estação do ano também influencia na frequência de rega, então fique bem atento. A dica mais importante é sempre verificar a umidade da terra ou do substrato. Se estiver seco, realize a rega, mas sem exagerar. É muito importante que os vasos contenham furos e aqui vai uma dica: a montagem de uma drenagem bem feita deve ser realizada com pedras de argila e com manta de drenagem.

A irrigação está diretamente ligada à escolha das plantas, uma vez que, caso você não tenha muito tempo para as manutenções, deve preferir espécies de plantas mais resistentes à falta de água.

Qual é o substrato mais indicado para as plantas?

A primeira dica desse tópico do texto é: prefira substratos ao invés de terra vegetal. Isso porque os substratos apresentam boa absorção de água e de drenagem.

Outro ponto importante é escolher um substrato de procedência, pois, muitas vezes, os produtos podem vir com doenças ou com pragas, como ervas daninhas. Isso é um problema, pois, com certeza, irá te trazer muita dor de cabeça futuramente. Lembre-se: o barato pode sair caro.

Recomendamos o FORTH Condicionador Floreiras, que consiste em um substrato esterilizado e que já vai adubado, favorecendo o enraizamento e o pegamento das mudas. O produto pode ser utilizado puro ou misturado a um outro de sua preferência. O substrato já vem pronto para uso e possui todas as características mencionadas.

jardim-vertical

Como adubar as espécies?

A adubação é muito importante para a manutenção e para a floração das plantas.

Como as espécies são seres vivos, necessitam de água e comida, assim como um cachorro e como um gato. Dado essa referência, é importante entender que a comida para as plantas é o adubo.

Esse produto colabora para que as plantas sempre estejam com um verde característico e para se mantenham saudáveis ao longo do ano. Caso tenha optado por uma irrigação automatizada ou mesmo pela rega manual, escolha fertilizantes líquidos, pois são mais fáceis de manipular e de aplicar, além de não entupirem a tubulação e/ou bicos.

A FORTH Jardim possui um adubo para cada tipo de planta ou época do ano. Nesse caso, você pode optar pelos específicos ou, se preferir algo geral, há a linha FORTH Parede Verde.

No entanto, se você tiver uma parede verde pequena com poucos vasos e sem sistema de irrigação ou se você não possui muito tempo para ficar adubando, recomendamos utilizar o FORTH Cote 14-14-14 duração de três meses ou o FORTH Cote 15-09-12 + micronutrientes com duração de cinco meses, colocando uma dose em cada vaso sobre o substrato.

A importância da poda no jardim vertical

As podas são importantes para manter o jardim vertical e, também, para diminuir o peso das plantas sobre o sistema de sustentação. Uma folha pode ser leve, mas junte muitas folhas em excesso e você tem um peso considerável.

Faça podas frequentes para que as plantas não cresçam muito ou para que não fiquem estioladas.

jardim-vertical

Materiais para a construção de uma parede verde

Se você é daqueles, “Faça você mesmo”, aqui vai uma lista de materiais básicos que poderá utilizar para a construção de seu jardim vertical. Contudo, lembre-se de que a elaboração da parede verde é algo variável, que depende de suas preferências.

Uma boa dose de criatividade também ajudará a deixar o seu jardim vertical com aquele toque de estilo personalizado. Vamos aos materiais:

  • Palete (ou você pode fazer um quadro com grade de ripas bem firmes);
  • Parafusos;
  • Buchas de parede;
  • Vasos para parede verde;
  • Ganchos (caso os vasos não venham com algo para pendurar no palete);
  • Plantas;
  • Substrato;
  • Argila expandida;
  • Manta de drenagem.

Viu como não é um bicho de sete cabeças?! O jardim vertical é algo simples de ser construído e mantido e, com certeza, vai lhe trazer muitos benefícios no dia a dia.

FORTH Jardim

Parceiros da Arbo Imóveis, quando “brotamos” no mercado brasileiro o solo onde crescemos já vinha sendo preparado há muito tempo. Foram anos dedicados à pesquisa e ao desenvolvimento de tecnologias em nutrição vegetal.

Com raízes tão fortes, nosso principal produto (o Forth Jardim) logo conquistou a preferência dos consumidores e se tornou marca líder no mercado de home garden.

Inscreva-se na Academia FORTH Jardim e tenha acesso a cursos totalmente gratuitos sobre esse e outros assuntos. E o melhor: as oportunidades são totalmente gratuitas e fornecem a emissão de certificados.

Clique aqui: quero aprender com a FORTH

Siga a Forth Jardim nas redes sociais:

Facebook: @forthjardimoficial

YouTube: @forthjardim

Instagram: @forthjardim_oficial

Esse artigo foi escrito em parceria com a Forth Jardim. 

Autor: João Pedro M. Leal – Engenheiro Agrônomo da Forth Jardim

Revisão: Rodolpho Zanardo – Marketing da Forth Jardim

Postagens relacionadas

tendencias-de-decoração

Confira as principais tendências de decoração para 2021

Quer saber quais são as tendências de decoração para esse ano? Confira neste texto as principais.  A decoração é uma arte que se altera com o passar do tempo. Ao longo da história, muitas foram as modas e as tendências que dominaram o mercado e foram referências para profissionais montarem seus ambientes. E, para estar […]

decorar-a-casa

Confira dicas para decorar a casa para seu pet

Um pet sempre exige alguns cuidados de seus donos. E não é diferente quando o assunto é decoração da casa. Confira dicas de decoração para aliar confortável para eles e estilo para você.  Quem tem um pet em casa já sabe que precisa pensar duas vezes antes de decorar a casa. Isso porque alguns pequenos […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *