25 de setembro de 2021

Descubra como realizar a manutenção de geladeira

manutencao-de-geladeira

Saiba o que você deve fazer para realizar a manutenção de geladeira em sua casa 

A geladeira é um dos eletrodomésticos mais importantes de uma residência. Já que é nela que armazenamos todos os alimentos e bebidas da casa. Mas, para que o aparelho cumpra essa função corretamente, é necessário que a sua manutenção de geladeira esteja em dia.

Essa etapa é importante, principalmente, para garantir que o aparelho tenha uma vida útil mais longa. Reparando pequenos defeitos de funcionamento antes que eles se tornem um problema maior. 

E, ao contrário do que muitas pessoas pensam, a manutenção de geladeira não precisa ser feita sempre por um profissional responsável pela área. Isso porque, antes de ser um problema maior, a manutenção se resume a ter alguns cuidados no dia a dia e realizar algumas atividades periodicamente no eletrodoméstico. É o que se chama de manutenção preventiva. E é justamente isso que vamos discutir neste texto do Blog da Arbo. 

Quer saber mais? Vamos lá? 

Como funciona uma geladeira?

As geladeiras existem há muitos anos. E a sua invenção significou uma verdadeira revolução no mundo moderno. Isso porque antes da invenção desse eletrodoméstico as casas simplesmente não tinham como armazenar alimentos. 

Basicamente, a geladeira funciona como uma espécie de ar-condicionado. A maior diferença é que o ar gelado circula em uma área fechada. Ao contrário do ar condicionado que tem a sua potência projetada para gelar um cômodo ou área maior. 

Nas geladeiras, o gás refrigerante é evaporado no interior da geladeira, o que provoca uma absorção de todo o calor que está lá dentro. Com esse ar, o gás ultrapassa o compressor e se joga no condensador. Todo esse processo transforma o gás em líquido para perder o calor e volta para a evaporadora.

Todo esse processo acontece o tempo inteiro na geladeira, de forma cíclica. 

Manutenção de geladeira

Quais são os modelos mais comuns de geladeiras? 

Como já explicamos, a geladeira existe há muitos anos. E, conforme esse tempo foi passando, claro, houve a criação de diversos modelos. 

Mas no geral, podemos resumir que existem três modelos mais comuns no mercado nos dias de hoje. Cada um com a sua característica e especificidade. Vamos destacá-los abaixo: 

Modelo com 1 porta

A geladeira com uma porta é a mais tradicional que existe. Possui apenas uma porta, pois os dois compartimentos são divididos no interior do aparelho. Para quem tem pouco espaço ou um orçamento reduzido para comprar um modelo novo, é o ideal. 

Modelo duplex

Esse tipo de geladeira, nos dias de hoje, é o mais comum. Praticamente, todos os modelos novos usam o sistema duplex, em que os compartimentos são divididos externamente, cada um com sua própria porta. 

Modelo com freezer embaixo

Esse modelo é o mais moderno que existe no mercado nos dias de hoje. O freezer fica na parte inferior para facilitar a organização e também a limpeza do aparelho. É um modelo um pouco mais caro, mas para quem está pensando em investir um pouco mais, pode ser uma excelente opção. 

Manutenção de geladeira: o que é preciso fazer? 

Como já explicamos na introdução deste texto, a manutenção preventiva da sua geladeira tem como objetivo evitar problemas futuros e garantir que seu eletrodomésticos tenha uma vida útil maior, preservando peças e garantindo o seu funcionamento por anos. Abaixo, listamos alguns pontos para você se atentar com mais calma. 

Armazenamento

Um detalhe que muitas pessoas não dão importância é que a manutenção de geladeira começa justamente em como organizar os alimentos e bebidas dentro dela. A grande maioria das geladeira possuem dois compartimentos: o refrigerador, maior e com menos potências, e o freezer, menor e com mais potência. 

Dentro desses dois compartimentos há diferentes níveis de temperatura. Por isso, é errado não fazer um planejamento e pensar com calma onde cada alimento vai ser armazenado dentro da geladeira. 

É essencial posicionar cada alimento conforme a sua necessidade de resfriamento. No gera, as geladeiras mais tradicionais funcionam da seguinte maneira: quanto mais alta a altura, menor a temperatura. Ou seja, na parte de cima dos compartimentos a temperatura é menor. Na parte de baixo, é maior. Por isso, o ideal é que os alimentos mais sensíveis sejam armazenados na parte inferior e os mais perecíveis na parte de cima. Tanto para não estragar os alimentos, quanto para não exigir da geladeira uma potência maior do que a necessária. 

Outro ponto importante nesse quesito é tomar cuidado para que os alimentos não obstruam as saídas de ar dos dutos internos do aparelho. Isso pode afetar bastante o seu funcionamento, reduzindo a sua capacidade de refrigerar. 

Vedação

A geladeira foi projetada para estar sempre fechada, em isolamento térmico. Por isso que, em volta das portas, existe uma borracha de vedação. Para garantir que nenhum tipo de ar interfira no funcionamento do eletrodoméstico. 

Por isso, é muito importante que deixe a geladeira de porta aberta o menor tempo possível. Nada de ficar muitos minutos escolhendo o que vai pegar nela ou deixá-la aberta para facilitar os processos durante o preparo de uma refeição. 

De tempos em tempo, é importante verificar qual o estado de conservação da borracha de vedação do aparelho. Caso seja necesssaŕio, faça a troca. É muito comum que acumule sujeiras nas dobras dessa borracha também. Essas impurezas atrapalham o processo de vedação da borracha. Por isso, verifique esse ponto sempre que possível. 

Degelo

Principalmente nos modelos mais antigos, o processo de desgelar o freezer é fundamental. Já que, com o tempo, é muito comum que haja um acúmulo de gelo no neste compartimento e, consequentemente, um bloqueio nas saídas de ar. Esse bloqueio pode danificar os dutos de congelamento, o que vai levar sua geladeira para o conserto.

Claro que, nos dias de hoje, a grande maioria dos modelos de geladeiras são “frost free”, que basicamente possuem um mecanismo de “desgelo automático”. O que tornou esse problema muito incomum. Mas, mesmo se a sua geladeira for das mais modernas, é importante que, periodicamente, verifique como está a quantidade de gelo em seu congelador. 

E, caso a sua geladeira seja dos modelos mais antigos, então faça o processo de desgelo sempre que verificar uma camada grossa de gelo no compartimento do freezer. 

Cuidado com as luzes internas

Outro importante ponto que muitas vezes é deixado de lado na manutenção de geladeira são as luzes internas. Toda geladeira tem luzes que são posicionadas dentro do eletrodoméstico para gerar calor e iluminar a parte interna. 

É relativamente comum as lâmpadas internas queimarem e as pessoas não perceberem. E isso pode trazer alguns problemas futuros para o seu aparelho. 

Atividades de manutenção de geladeira diárias

Para realizar a manutenção preventiva da sua geladeira, também existem algumas atividades que você pode fazer todos os dias. Uma delas é manter todos os compartimentos sempre limpos e arejados, não armazenar alimentos demais no aparelho, pelo menos uma vez por mês retire todos os alimentos e bebidas e faça uma limpeza com álcool e pano. 

Como já explicamos em alguns itens acima, evite abrir a porta sem necessidade e mantenha o termostato (regulador de temperatura) da sua geladeira regulado de acordo com a estação do ano ou necessidades de uso. Lembre-se: quanto mais você exigir da geladeira, menos tempo ela vai durar. 

Um último ponto importante que gostaríamos de ressaltar é a importância de não deixar aparelhos que sejam fontes de calor, fogão e fornos, por exemplo, próximo da geladeira. Isso pode danificar seriamente o seu funcionamento. 

Manutenção de geladeira

Qual é a sua opinião sobre esse conteúdo?

Agora que você já sabe tudo sobre manutenção de geladeira, chegou o momento de nos contar sua opinião sobre as informações apresentadas. As dicas te ajudaram? Você planeja começar a fazer a manutenção preventiva da sua geladeira? Deixe suas impressões na caixa de comentários abaixo e, em caso de dúvidas, não hesite em nos perguntar.

Quer conferir artigos semelhantes? Então continue a navegar pelo Blog da Arbo. Aqui você encontra conteúdos sobre mudanças, como o passo a passo para se mudar para um novo imóvel, sobre decoração, como dicas para renovar o quarto e a sala de estar, e sobre o mercado imobiliário em geral, como as vantagens de investir em imóveis.

Conheça, também, a Central de Ajuda da Arbo, que pode te auxiliar em diversas questões do dia a dia. Lá você encontra, por exemplo, informações sobre os melhores provedores de internet das principais cidades do Brasil e o passo a passo para emitir a segunda via de fatura de energia elétrica, de água e até mesmo do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Por fim, visite o Portal da Arbo, que reúne milhares de imóveis em mais de 300 cidades do Brasil. Utilize nossos filtros de busca para encontrar a casa ou o apartamento ideal e conheça seu próximo lar.

Postagens relacionadas

Decoração de home office: saiba tudo!

A pandemia de covid-19 transformou o lar em um verdadeiro refúgio. Por isso, a decoração de home office é importante para garantir a qualidade de vida A pandemia de covid-19 trouxe inúmeras mudanças de rotina para todo o mundo. Se antes as pessoas passavam boa parte do dia no trabalho e/ou em atividades externas, atualmente […]

comprar apartamento na planta

5 vantagens de comprar apartamento na planta

Está pensando em comprar um apartamento na planta? Conheça os benefícios desse tipo de negócio e aprenda a escolher a melhor opção! Os imóveis na planta são aqueles adquiridos por meio de construtoras e incorporadoras. Comprar um apartamento na planta significa investir em um empreendimento que ainda está em fase de construção ou ainda nem […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *