24 de maio de 2022

Como escolher um papel de parede para quarto de bebê

A chegada de uma criança é um momento muito esperado. Por isso, é importante estar atento a cada detalhe, como o papel de parede para quarto de bebê. Nesse texto você confere dicas para não errar na escolha

Desde o momento do descobrimento da gravidez até a chegada do bebê, a vida dos pais se baseia em muitas expectativas. Isso porque é necessário preparar tudo para o grande dia. O quarto da criança é um dos pontos principais e, por isso, é necessário estar atento a cada detalhe. Dessa forma, é importante saber como escolher o papel de parede para quarto de bebê.

Para que a escolha seja correta e para que seu filho tenha o cômodo mais agradável possível, o Blog da Arbo preparou esse guia completo. Nesse texto você irá conferir dicas para escolher o papel de parede para quarto de bebê. Além disso, irá conhecer um conceito novo quando o assunto são crianças: o quarto montessoriano.

Continue a leitura para conferir essas e outras informações sobre o tema!

Dicas para escolher o papel de parede para quarto de bebê

A decoração do quarto do bebê é uma das principais preocupações dos pais. Isso porque o cômodo será o local de refúgio da criança, que irá passar boa parte do dia no ambiente.

Desse modo, além de pensar em questões como enxoval e utensílios do dia a dia, como carrinhos e cadeirinhas, os pais devem se atentar aos itens decorativos do cômodo. Nesse sentido, é importante que saibam como escolher o papel de parede para quarto de bebê.

Defina um estilo decorativo

O primeiro passo para escolher o papel de parede para quarto de bebê é definir um estilo decorativo para o cômodo. Como o cômodo deve ser equilibrado, leve e clean, as principais indicações são as tendências relacionadas ao estilo minimalista, mas existem outras opções.

Entretanto, é importante que os pais estejam atentos, principalmente, à quantidade de espaço disponível e, também, à quantidade de móveis e de objetos que serão inseridos no cômodo. 

Esses pontos são importantes porque o quarto da criança deve ser, ao mesmo tempo, confortável e funcional tanto para a criança quanto para os pais. Antes de comprar móveis e objetos, avalie os locais onde eles podem ser posicionados.

Atenção às cores

O papel de parede para quarto de bebê é um dos principais elementos decorativos do cômodo e, por isso, é determinante para a estética do ambiente. No quesito cores, é necessário que esteja alinhado aos demais tons do ambiente.

Caso os móveis e os itens decorativos sigam uma paleta de cores de tons pastéis, não faz sentido optar por um papel de parede com cores quentes, por exemplo. Nesse sentido, é necessário verificar quais são as cores presentes no quarto.

É claro que os quartos não precisam seguir o padrão de azul e de rosa e, por isso, é importante determinar uma paleta de cores variada. 

Em todos os casos, é importante prezar pela sobriedade e pelo conforto do cômodo, que será responsável por boa parte do desenvolvimento do bebê nos primeiros meses de vida.

A personalidade das estampas

Os papéis de parede para quarto de bebê estão disponíveis em diversos modelos e cores no mercado. Nesse sentido, podem ser lisos, estampados, listrados e até mesmo desenhados. 

Conforme mencionado acima, o papel de parede é um dos principais itens decorativos do cômodo e, por isso, pode atrair muita atenção. Dessa forma, antes de escolher um modelo, você deve se perguntar se deseja tornar o item o grande destaque do quarto.

Caso a resposta seja afirmativa, a principal indicação é investir em modelos estampados e listrados. Não se esqueça de seguir a paleta de cores definida inicialmente e tenha em mente que o conforto do bebê é o ponto principal.

Entretanto, caso você deseje que o papel de parede seja apenas um complemento da decoração, a dica é optar por modelos lisos.

Meia parede ou parede inteira?

A aplicação do papel de parede pode ser feita de três formas diferentes: na parede inteira, na metade da parede ou em todas as paredes do quarto. A verdade é que não existe uma regra para essa escolha e, por isso, esta depende do estilo decorativo definido no primeiro passo e, também, dos gostos pessoais dos pais.

Mesmo que não existam padrões, é necessário seguir algumas dicas. A principal delas é que, caso o quarto do bebê seja pequeno, você deve preferir aplicar o papel em apenas uma das paredes do cômodo, seja em toda a sua extensão ou somente na metade.

Isso porque a aplicação do papel em todas as paredes pode sobrecarregar o ambiente e, no caso de cômodos com áreas modestas, comprometer a sensação de espaço e de aconchego do local.

papel-de-parede-para-quarto-de-bebê

Aplique o papel de forma correta

A boa notícia sobre o papel de parede para quarto de bebê é que ele pode ser facilmente aplicado pelos pais, mesmo que não haja um conhecimento prévio sobre a técnica. Dessa forma, é possível realizar o trabalho sem a ajuda de um profissional, o que pode ajudar no orçamento.

Apesar de ser simples, a aplicação deve ser feita de maneira cuidadosa para que erros não ocorram. Um dos pontos de atenção deve ser a análise inicial da parede, que deve estar limpa e uniforme.

Posteriormente, é necessário estar atento à formação de bolhas, que podem comprometer o resultado final. Na verdade, o segredo da aplicação é realizá-la com calma e com atenção.

Se você deseja aprender a aplicar papéis de parede, pode conferir o vídeo Como colocar papel de parede: passo a passo, publicado no canal Oficina de Mulher Brasil, no YouTube. Veja:

Bônus: conheça o quarto montessoriano

Você já ouviu falar sobre o quarto montessoriano? O conceito, que se originou do Método Montessori, estabelece que o cômodo do bebê e/ou da criança deve seguir alguns princípios básicos, como liberdade, exploração e autoconhecimento.

O Método Montessori aponta que o cômodo deve ser um ambiente repleto de estímulos para que a criança possa, ao longo de seu desenvolvimento, viver sua criatividade e suas sensações em um único local.

O Método Montessori

Criado por Maria Montessori, médica e educadora italiana, o Método Montessori tem como base a libertação das pessoas por meio da educação. Também chamado de Pedagogia Científica, o método estabelece que o processo de aprendizagem é ditado pela criança, não pelo educador.

A responsável pela criação do método estabelece que o conceito segue seis pilares, que devem ser aplicados ao mesmo tempo para que os resultados sejam satisfatórios:

  • Educação cósmica;
  • Educação como ciência;
  • Autoeducação;
  • Ambiente preparado;
  • Adultos responsáveis preparados;
  • Criança equilibrada.

Como montar um quarto montessoriano?

O quarto montessoriano é definido como um cômodo pensado exclusivamente para crianças. Dessa forma, o quarto deve ser totalmente adaptado às necessidades dos pequenos, de forma que eles consigam realizar suas atividades com autonomia ao longo do desenvolvimento.

É possível elaborar o projeto de um quarto montessoriano de forma autônoma, mas é claro que o auxílio de um profissional especializado, como arquitetos e designers de interior, pode trazer melhores resultados.

papel-de-parede-para-quarto-de-bebê

Entretanto, caso esse cenário não seja possível, fique atento aos itens necessários no quarto montessoriano e monte seu projeto de forma autônoma:

  • Cama montessoriana: é o aspecto central do quarto e deve possuir baixa estatura, para que a criança tenha liberdade para subir e descer quando quiser. Um ponto importante é que, no quarto montessoriano, a cama substitui o berço. Isso não significa, entretanto, falta de segurança, já que a baixa estatura previne a ocorrência de acidentes.
  • Móveis montessorianos: os móveis do quarto precisam garantir a autonomia e a liberdade das crianças e, por isso, devem possuir baixas estaturas. 
  • Brinquedos: o quarto montessoriano deve ser um espaço lúdico, dedicado ao desenvolvimento e ao aprendizado das crianças. Por isso, os brinquedos são peças fundamentais, que devem, assim como os demais itens, estar sempre acessíveis aos pequenos.

Qual é a sua opinião sobre esse conteúdo?

Agora que você já sabe como escolher o papel de parede para quarto de bebê, chegou o momento de nos contar sua opinião sobre esse artigo. As dicas te ajudaram de alguma forma? E o que você achou do conceito do quarto montessoriano? Comente suas impressões na caixa abaixo e, caso queira, não deixe de nos contar suas sugestões, críticas construtivas e seus elogios.

Se você deseja conferir conteúdos semelhantes, continue a navegar pelo Blog da Arbo. Aqui você encontra dicas para organizar seu imóvel após a mudança, bem como todas as informações necessárias sobre o financiamento imobiliário e sobre o consórcio imobiliário. Você também pode conferir dicas para automatizar seu imóvel para transformá-lo em uma casa inteligente.

E, é claro, o Blog é o lugar certo para conferir conteúdos exclusivos sobre decoração de sala de estar, de jardim, de cozinha e até mesmo de banheiro. Para saber tudo sobre o tema, clique aqui e acesse o artigo na íntegra.

Conheça, também, a Central de Ajuda da Arbo, que pode te auxiliar em diversas questões do dia a dia. Lá você encontra, por exemplo, informações sobre os melhores provedores de internet das principais cidades do Brasil e, também, o passo a passo para a emissão de faturas de água, de energia elétrica e até mesmo do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Por fim, não deixe de visitar o Portal da Arbo, que reúne milhares de imóveis em centenas de cidades do Brasil. Lá você encontra casas e apartamentos com diferentes especificações e, para encontrar a alternativa ideal, basta usar nossos filtros de busca. A pesquisa é simples, rápida e fácil. Acesse!

Postagens relacionadas

Aluguel de apartamento: como calcular o valor ideal?

Vai se mudar para um novo imóvel e quer descobrir quanto deve pagar pelo aluguel de apartamento? Confira o texto e saiba como fazer o cálculo Por vontade ou por necessidade, chega um momento em que todos precisam comprar ou locar um imóvel. Nesse momento, muitos optam pelo aluguel de apartamento, que se mostra como […]

Orçamento de mudança: como se preparar?

Quer se mudar para um novo imóvel? Então é preciso estar atento ao orçamento de mudança. Veja dicas para evitar problemas e transtornos inesperados A mudança para um novo imóvel é um processo complexo que, quando não realizado com planejamento e com organização, pode envolver muitos problemas e imprevistos. Dessa forma, para não ter transtornos […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *