25 de setembro de 2021

Sala minimalista: saiba como aplicar a decoração

sala-minimalista

Quer renovar os cômodos de seu imóvel e pensa em algo simples, mas moderno? Então a sala minimalista é uma opção que você precisa conhecer

Decorar com pouco é o princípio básico do estilo minimalista. A tendência é bastante comum entre os brasileiros, já que preza pela organização e pela funcionalidade dos ambientes. Por isso, é um dos estilos preferidos entre os moradores de casas e de apartamentos pequenos. Um dos principais cômodos do imóvel, contudo, é a sala minimalista.

O ambiente requer atenção, já que é um dos mais frequentados pelos moradores da casa. Escolher os móveis e os objetos decorativos deve ser um processo calculado e equilibrado, já que a sala minimalista não pode abrigar exageros. 

Nesse texto você irá aprender quais são os princípios básicos do minimalismo, bem como dicas para aplicar a decoração na sala de seu imóvel. Além disso, vai conferir inspirações para começar a pensar em como inserir a tendência no cômodo. Vamos lá?

A decoração minimalista

A decoração minimalista deriva do conceito de minimalismo, que surgiu na década de 1960 como uma tendência artística e cultural. O principal objetivo do movimento era mostrar, por meio não somente da arte, mas também de um estilo de vida, que é necessário se concentrar apenas no que é necessário.

É por isso que a decoração minimalista é conhecida por seguir o fundamento de que “menos é mais”. Nos imóveis, o estilo vai de encontro a móveis e a objetos essenciais, que devem exercer uma função em determinado cômodo, como na sala minimalista.

Desse modo, a tendência está baseada em alguns princípios, que devem ser aplicados pelos moradores que desejam inserir o minimalismo em suas casas ou apartamentos.

Os princípios do minimalismo

Para inserir a decoração em sua sala minimalista, é preciso, antes de tudo, conhecer os princípios que regem a tendência. Veja abaixo e se prepare para começar a decorar:

Apenas o essencial

Um dos pilares do minimalismo é focar apenas no que é essencial. Por isso, os ambientes que seguem a tendência decorativa não podem apresentar excesso de elementos. Pelo contrário, em cômodos nos quais o estilo é aplicado, como a sala minimalista, devem prevalecer a sobriedade e a valorização de espaços vazios.

Isso não significa, no entanto, que os cômodos devem estar praticamente vazios. Na verdade, o ideal é que os móveis e os objetos decorativos estejam bem distribuídos, de modo que não poluam visualmente o local. 

Praticidade

Além de garantir que a decoração foque apenas no essencial, o minimalismo preza pela praticidade. Em um contexto contemporâneo, no qual as pessoas dispõem de pouco tempo para a realização de suas tarefas, é preciso que os ambientes facilitem sua rotina.

Por isso, a decoração minimalista aponta que os móveis e os objetos que seguem a tendência devem conferir praticidade ao dia a dia dos moradores do imóvel em questão. 

Assim, cômodos decorados com o estilo, como a sala minimalista, devem contar com mobiliários fáceis de limpar, confortáveis e, é claro, funcionais.

Funcionalidade

Por que optar por móveis grandes e espaçosos quando, na verdade, uma alternativa menor e mais simples já iria atender às suas necessidades? No princípio da funcionalidade, o morador deve pensar que os itens da decoração precisam ter um propósito.

Desse modo, não é aconselhável que, em uma sala minimalista, por exemplo, existam dois sofás se os moradores do imóvel utilizam apenas um no dia a dia. O mobiliário extra, nesse caso, apenas ocupa espaço e, portanto, dificulta a rotina dos indivíduos.

Especialmente em ambientes pequenos, a indicação é investir em móveis pequenos e versáteis, que podem ser utilizados para vários fins.

Organização

Por fim, mas não menos importante, o minimalismo preza pela organização. Isso porque ambientes desorganizados e bagunçados, além de não serem agradáveis esteticamente, contribuem com a sensação de que os espaços são menores do que realmente são.

Como a maioria dos cômodos decorados com a tendência minimalista possui áreas modestas, a organização é fundamental para contribuir com a impressão de amplitude do espaço. 

Desse modo, é importante que os moradores estejam sempre atentos a esse aspecto. A boa notícia é que, com a decoração minimalista, móveis e objetos são fáceis de limpar e de arrumar e, por isso, a tarefa não é complexa.

Quer saber mais sobre o minimalismo? O vídeo Decoração | Estilo Minimalista, publicado no canal Costa Flores, no YouTube, é uma boa indicação. Vamos assistir?!

Sala minimalista: dicas para aplicar a decoração

Agora que você já conhece os princípios básicos da tendência decorativa, chegou o momento de aprender a produzir sua própria sala minimalista. Para isso, o Blog da Arbo separou algumas dicas simples. Veja:

Prefira cores neutras

Cômodos claros e clean são uma das principais características do estilo. Por isso, prefira cores neutras para sua sala minimalista, como o branco e o bege. 

Esses tons devem ser utilizados como base para a decoração e, para dar mais vida ao local, é possível investir em objetos decorativos com cores mais fortes. Contudo, nunca se esqueça: a decoração minimalista não permite exageros.

Uma boa iluminação faz diferença

Uma sala minimalista precisa, além de móveis e objetos funcionais, de iluminação natural. Isso porque a luz do Sol deixa o ambiente mais leve e mais natural.

Mesmo assim, o morador também precisa investir em um bom projeto de iluminação artificial, que será responsável por iluminar o cômodo à noite.

Atenção aos objetos de decoração

Conforme mencionado acima, os objetos de decoração serão os responsáveis por conferir cor e vida à sala decorativa. No entanto, é preciso ter moderação e, por isso, uma boa dica é avaliar quais itens poderão ser úteis tanto para a estética do ambiente quanto para a sua rotina.

Não se esqueça da funcionalidade

A funcionalidade é um dos princípios básicos do minimalismo e, por isso, não pode estar fora da decoração de sua sala minimalista. Desse modo, é importante que a escolha dos móveis e dos objetos decorativos seja baseada nessa característica.

Um mobiliário funcional, por exemplo, é aquele que atende às necessidades do morador de forma prática. Por isso, é muito comum que ambientes minimalistas contem com móveis planejados, ou seja, feitos especificamente para o cômodo.

Nesse sentido, é possível, também, aliar dois móveis em uma única peça. Um bom exemplo são painéis que, em seu interior, abrigam um espaço para guardar objetos que não devem ficar expostos. 

Inspirações para sua sala minimalista

Para que você saiba como começar a decorar sua sala minimalista, nada melhor do que conferir boas referências. Mesmo assim, lembre-se de que as imagens são apenas inspirações e, por isso, você pode adaptar e criar o quanto quiser.

sala-minimalista

A imagem acima mostra uma sala de estar, que, ao contrário da maioria das salas no Brasil, não conta com uma televisão. Esse ambiente é, portanto, destinado a momentos de convivência entre os moradores e seus visitantes.

A decoração minimalista é perceptível no cômodo, já que alia diversos princípios da tendência, como o bom aproveitamento do espaço e a organização. Note que, mesmo que o cômodo possua um espaço generoso, os móveis e os objetos decorativos estão todos posicionados no centro.

Além disso, é possível notar a presença de elementos citados nas dicas acima, como a iluminação natural e as cores neutras. Os objetos de decoração foram sabiamente posicionados, uma vez que não constituem um exagero para a sala minimalista.

sala-minimalista

Nesse exemplo, o elemento mais evidente na sala minimalista é, sem dúvida, a presença da luz natural. Para que a iluminação chegue até o cômodo, o projeto conta com uma janela que abrange toda a extensão da parede, desde o teto até o chão.

A luz do Sol contribui, especialmente, para conferir a sensação de amplitude ao cômodo. Veja que a imagem retrata o que os designers de interiores chamam de ambientes integrados, uma vez que um mesmo espaço abriga tanto a sala de jantar quanto a sala de estar.

Como não há separação entre os dois cômodos, é necessário que as decorações de ambos os espaços estejam em consonância. A parte dedicada à sala de jantar, por exemplo, é extremamente minimalista, já que conta apenas com uma mesa, um vaso e um espelho – item que, também, confere a sensação de amplitude ao cômodo. 

Já a sala de estar, que ocupa um espaço maior no ambiente integrado, conta com mais móveis e objetos decorativos. Mesmo assim, todos os itens estão bem posicionados e não há exagero. 

Note que, mesmo que o rack seja extenso, os objetos decorativos cobrem apenas uma parte de sua superfície.

sala-minimalista

Esse é um exemplo clássico de sala minimalista: com móveis e objetos nas cores preto e branco, o ambiente mescla a sobriedade das cores claras com a vivacidade das cores escuras. Além disso, o cômodo conta com uma pequena planta, que confere uma atmosfera natural ao espaço.

Os espaços vazios são bastante privilegiados no projeto arquitetônico, mas isso não impede o ambiente de estar bem decorado e, é claro, funcional.

O que você achou das dicas para ter uma sala minimalista?

Agora que você já sabe como aplicar a decoração para ter uma sala minimalista, não deixe de nos contar: qual dica você mais gostou? E qual das inspirações mais te chamou a atenção? Deixe suas opiniões, sugestões, elogios e dúvidas na caixa de comentários abaixo.

E, se você deseja conferir artigos como esse, não se esqueça de continuar a navegar pelo Blog da Arbo. Aqui você encontra conteúdos exclusivos sobre diversos estilos decorativos, como o rústico e o escandinavo. Além disso, você confere dicas para decorar todos os cômodos da casa, como o quarto de casal, a sala de jantar e até o banheiro. Para saber tudo sobre decoração de casa, clique aqui.

Conheça, também, a Central de Ajuda da Arbo, que reúne conteúdos que podem te auxiliar em diversas dúvidas do dia a dia. Lá você encontra, por exemplo, orientações para emitir a segunda via de contas de energia elétrica, água e IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Para encontrar o imóvel ideal, acesse o Portal da Arbo, que reúne milhares de casas e de apartamentos em mais de 220 cidades brasileiras. Utilize nossos mecanismos de busca para pesquisar pela melhor opção.

Postagens relacionadas

comprar e alugar passo a passo arbo

Comprar e alugar na Arbo: veja o passo a passo

Se interessou por um imóvel da Arbo? Então você precisa conhecer o passo a passo para comprar e alugar conosco! Nossos processos são simples, práticos e sem burocracia. Confira A Arbo Imóveis é uma empresa que tem o objetivo de facilitar transações imobiliárias para todas as pessoas envolvidas nos processos. Por isso, se você se […]

cômodo limpo após a limpeza de banheiro

Limpeza de banheiro: confira 5 truques

Quer conhecer alguns truques de como realizar uma boa limpeza em seu banheiro e mantê-lo em ordem? Confira as dicas da Maria Brasileira, empresa especializada em limpeza e cuidados. Boa leitura! Uma casa bem limpa e arrumada é absolutamente fundamental para vivermos bem. Realizar limpezas rápidas durante a semana é de grande ajuda para manter […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *